Notícias

mulher sem flacidez

Como a radiofrequência atua no combate à flacidez

Compartilhe:
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInShare on TumblrPin on PinterestEmail this to someone

Um dos fantasmas que assombra a maioria das mulheres, quando o assunto é beleza e estética, é a flacidez. Mas quais são as causas da flacidez, que cuidados se deve ter para evitar ou amenizar a flacidez e, principalmente, qual é o tratamento mais indicado? Estas são algumas perguntas que serão respondidas neste texto.

A flacidez ocorre quando a pele tem falta de colágeno e de elastina, ocasionando a perda das fibras de sustentação. Esta pode ser de dois tipos: a dérmica ou muscular. A flacidez dérmica é a forma menos grave e de mais fácil tratamento, pois apresenta uma desorganização das fibras, que durante o tratamento volta a seus lugares anteriores. Já a flacidez muscular é a forma mais profunda e de difícil tratamento, causada pelo desgaste das fibras de sustentação dos músculos.

O envelhecimento da pele é uma das principais causas. À medida que a idade avança é natural uma menor produção de elastina e colágeno, proteínas responsáveis por manter a pele tonificada, rígida, bonita e vigorosa. Gravidez, perda ou ganho de peso muito bruscas causam alterações hormonais, ocasionando a flacidez. O consumo de bebidas alcoólicas e o fumo, o sedentarismo, a má alimentação, o estresse, a exposição em excesso ao Sol também podem agravar o problema.

Como tratar a flacidez

Na Clínica Inova, clínica de cirurgia plástica em Botafogo, realizamos o tratamento chamado radiofrequência, um dos mais eficientes no tratamento da flacidez e que também pode auxiliar na redução de celulites e estrias, rugas, acnes e cicatrizes. Esse procedimento é seguro, eficaz e não é invasivo, pois não há necessidade de intervenção cirúrgica.

No tratamento são emitidas correntes de alta frequência entre 1560 a 200 kHz, com uma tensão que varia aproximadamente entre 30.000 a 40.000 Volts, gerando calor no tecido subcutâneo, induzindo assim a produção e renovação das fibras de colágeno, o que melhora a aparência e firmeza da pele.

O tratamento de radiofrequência é contraindicado para pessoas que possuem um marca-passos ou quaisquer outros dispositivos eletrônicos implantados. Outras contraindicações são para pessoas portadoras do vírus HIV, com tatuagens, diabéticas ou mulheres que usem DIU como método contraconceptivo. Por isso é muito importante consultar um especialistas e tirar todas as dúvidas antes de optar por qualquer tratamento estético.

Além de investir em tratamentos estéticos, usar protetor solar, se alimentar corretamente, evitar beber e fumar e fazer atividades físicas regulares são uns dos segredos para se evitar ou amenizar esse vilão das mulheres.

A clínica Inova possui diversos tratamentos para auxiliar no combate a flacidez, estrias e celulite. Marque uma visita e conheça como nós podemos deixar você ainda mais bela!

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário!

0 Comentários

Comente

Desenvolvido por Fizzy Marketing Digital